Conhecidos os vencedores da segunda edição das Bolsas de Residência Literária Eça de Queiroz

O júri das Bolsas de Residência Literária Eça de Queiroz 2023/2024, composto por Filipa Melo, José Manuel Cortês e Pedro Mexia, deliberou por unanimidade atribuir as bolsas da segunda temporada a Alexandre Marques Rodrigues, Francisco Saraiva, Isabela Figueiredo, João Pedro Vala, Nuno dos Santos Sousa e Sarah Adamopoulos. Deliberou ainda a escolha de quatro suplentes: Cláudia Andrade, Fernanda Hamann de Oliveira, Rafael Sousa Santos e Rosário Alçada Araújo.

Lembre-se que a primeira temporada decorreu entre 2022 e 2023, tendo acolhido em Tormes Filipe Sucia Fernandes, Francisco Sousa Lobo, Frederico Pedreira, José Luiz Tavares, Maria Antónia Oliveira e Pedro Manuel Palma.

Fruto de uma parceria entre a Imprensa Nacional-Casa da Moeda (INCM), a Direcção-Geral do Livro, dos Arquivos e das Bibliotecas (DGLAB) e a Fundação Eça de Queiroz (FEQ), estas bolsas visam promover a produção literária em língua portuguesa, e são o mais expressivo programa de residências literárias remuneradas para residentes em Portugal.

Cada temporada consiste na estada de um autor durante um mês em Tormes (FEQ), local idílico com larga tradição literária que inspirou Eça de Queiroz a escrever A Cidade e as Serras.

Os residentes contam com todas as despesas pagas, bem como honorários no valor de 1.330€, e ficam alojados numa casa autónoma em Tormes, com todas as condições para terem tempo e sossego para escrever.

Reunido no dia 1 de dezembro, o júri das Bolsas de Residência Literária Eça de Queiroz avaliou as 111 candidaturas admitidas a concurso de acordo com critérios como o domínio da linguagem artística, a qualidade cultural e artística do projeto, a adequação da proposta à durabilidade da bolsa, e a formação e competência reveladas nos trabalhos já realizados (publicados ou não).

A primeira estada em Tormes ocorre já no princípio do próximo ano.

48 Anos do Diário da República

48 Anos do Diário da República

Os 48 anos do Diário da República e da publicação da Constituição da República Portuguesa foram assinalados, no dia 10 de abril, com uma apresentação temática, intergeracional, na Escola Primária de Alcorriol, no concelho de Torres Novas. A apresentação, inserida na...

read more
Skip to content