Prémio INCM/Ruy Cinatti

O Prémio Literário INCM/Ruy Cinatti foi instituído em 2010 pela INCM estando subjacente à sua criação a promoção da expressão em língua portuguesa em Timor-Leste, uma das línguas oficiais de Timor-Leste, o incentivo à expressão literária, cujo espólio é parte integrante da cultura de um povo, bem como homenagear Ruy Cinatti, enquanto poeta e homem de cultura.

Este prémio pretende selecionar trabalhos inéditos, de grande qualidade, no domínio da prosa, redigidos em língua portuguesa e da autoria de cidadão timorense ou residente em Timor há mais de cinco anos.

O Prémio INCM/Ruy Cinatti integra, a esta data, as seguintes publicações:

    Sou nada ou nada sou? da autoria de Cidália da Cruz; e
    O Parnaso Timorense da autoria de Nito Mesquinho.

Os trabalhos serão apreciados pelo seguinte Júri:

O Prémio INCM/Ruy Cinatti contemplará a edição da obra premiada, assim como uma componente pecuniária a título de prémio, segundo os termos expressos no Regulamento.


O Júri do Prémio INCM/Ruy Cinatti, de acordo com o ponto 3 do artigo 5.º do Regulamento, entendeu que na edição de 2017 não existem condições para a atribuição de prémio ou de menções honrosas.