• Foto 1 do produto João da Câmara Leme (Nº 9)
    Foto 1 do produto João da Câmara Leme (Nº 9)
    • Foto 2 do produto João da Câmara Leme (Nº 9)
    Foto 2 do produto João da Câmara Leme (Nº 9)
    • Foto 3 do produto João da Câmara Leme (Nº 9)
    Foto 3 do produto João da Câmara Leme (Nº 9)
    • Foto 4 do produto João da Câmara Leme (Nº 9)
    Foto 4 do produto João da Câmara Leme (Nº 9)

João da Câmara Leme (Nº 9)

Esta magnífica publicação bilingue oferece «novidades» aos leitores. Aliás, segundo Luís Amaro, antigo funcionário da Portugália, Agostinho Fernandes, o seu fundador e diretor, diariamente recebia João da Câmara Leme com a pergunta: «Traz novidades?». Era, sem dúvida, uma pergunta com sentido, uma vez que João da Câmara Leme (1930- -1983) foi um «preciosista e versátil, cultor de um modernismo jazzy e urbano mas também de um lirismo telúrico, capaz da mais delicada filigrana e da mais arrojada depuração gráfica». Foi, portanto, «um notável e incansável capista de uma das editoras de referência das décadas de 1950 e 1960, para a qual produziu capas icónicas, colocando essa abrangência estilística ao serviço da renovação da imagem dos livros nacionais, e colocando-se, pela qualidade do seu trabalho, em plena vanguarda da revolução visual na edição internacional durante esses anos».

Imagem maximizada

fechar [X]